segunda-feira, 26 de abril de 2010

Peça desculpas antes que ela morra!



Cara, sei que deve parecer que eu fico de marcação nesse assunto de pedir desculpas.
É que sempre me incomodou muito o fato de algumas pessoas terem tanto orgulho a ponto de esta simples palavrinha não sair nem a pauladas! -Sim, me refiro ao homens.

Mas acreditem homens! Conselho de AMIGA ...Se não pedir desculpas a sua amada, ela poderá morrer do coração! 
Apesar do drama não é mentira! (rs)

Um matéria recentemente publicada no site Telegraph , adverte: " Desculpar-se pode ser difícil para o homem, mas pedir desculpas para sua parceira pode torna-la mais saudável"

Mulheres que guardam a mágoa de não receber aquele simples pedido de desculpas pode ter a pressão aumentada por todo o periodo em que se sentir magoada, gerando grande risco de um possível ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral se a pressão permanecer elevada - Segundo estudos.
Durante testes, após receber o pedido de desculpas, as mulheres tiveram suas frequências cardiacas normalizadas rápidamente.

 "Os resultados indicam que há benefícios potencialmente saudáveis para perdão e desculpas".

Já os homens que foram testados, demonstraram resultados contrários. Suas pressões ficaram elevadas após receberem as desculpas.

O que me levou a conclusão de que embora esteja comprovado que os homens são de fato orgulhosos para reconhecer seus erros e pedir desculpas (...porque não vem não! Não doi em vocês!), eles ficam "agitados" ao receberem as tais desculpas. O que leva a uma possível explicação: Eles sabem a importância do perdão, mas tratam como uma palavra de emergência, que só deve ser dita em ultimo caso. O que explica a agitação ao ouvir um "Me desculpa?". Resumindo: Pura Birra, ou seja, talvez a agitação pós-desculpas, seja na verdade uma demonstração involuntária de revolta: "Droga! Pra ela é tão facil! - Tic-tac-tic-tac-tic-tac!!!" (rs)
Então rapazes! O que é um risco de morte pra vocês? Porque eu considero como sendo ultimo caso. Larga de birra e pede desculpas! Ninguém é menos homem por isso.

...Ah esses homens
Eles ainda vão nos matar!



Os testes foram realizados no EUA, na Escola Médica de Massachusetts 
A matéria mencionada pertence ao site Telegraph

Nenhum comentário:

Postar um comentário