segunda-feira, 29 de março de 2010

About Amy


Amy Winehouse
Pra mim, uma personalidade com voz inconfundível, ritmo próprio, letras misteriosamente profundas. Ouvir suas músicas é como terapia. Perfeitas pra relaxar, algumas pra dançar e outras pra curtir uma boa conversa com aquela pessoa especial. Voz que se encaixa em momentos únicos ou cotidianos, mas que surpreende a cada vez que é ouvida. Sei que muita gente concorda comigo. Com seu segundo trabalho Amy recebeu seis indicações para o Grammy 2008,  venceu cinco como consequencia de seu grande talento, reconhecido e aprovado por todos. Porém, Amy não se limita a ser apenas uma cantora talentosa, tem personalidade única e polêmica, gera comentários onde passa, pena não serem sempre comentários positivos, aliás, quase nunca são positivos.


Amy Jade Winehouse
Quantas vezes você entrou na internet e viu esse nome ou algumas de suas fotos envolvendo alguma nova polêmica ocupando alguns pixels daqueles sites de noticia? É não da pra negar que ela é um prato cheio pra mídia. Sempre aprontando e entregando suas particularidades de bandeja pros fofoqueiros e curiosos de plantão. Ela consegue extrapolar em quase tudo o que faz e testemunhas é o que não falta, uma prova disso
é o fato de que se jogar o nome dela em algum site de busca na internet leva um susto! Drogada, escandalosa, chorando de sutiã na rua com o nariz cheio de resíduos de um pó mais que suspeito, ou nua em alguma praia do Caribe, descabelada, maquiagem borrada, dentes amarelados, corpo 'desfigurado', silicone estourado, fazendo careta pros fotografos, toda comportada um dia e toda descontrolada no outro... São algumas das frases e tags que aparecem como resultaqdo da busca. Amy não é uma garota muito fácil de lidar eu diria, mas quem sou eu pra julgar? Sabe lá o que se passa embaixo daquele topete todo.
De fato, não tem como negar, ela é uma personalidade que merecia poucos fãs pelo seu comportamento nada exemplar, mas não posso e nem consigo deixar de gostar dela e com certeza não sou a única, como poderia ignorar uma voz tão cúmplice e que penetra tão sutilmente nos sentimentos que tenho? Seu talento é inegável!
Assim como a maioria das pessoas, comecei ouvindo "Rehab", mas como sou o tipo de pessoa que não se deixa levar tão fácil por essas modinhas  ( a perseguição da Saga Crepúsculo que o diga, rs), demorei muito tempo ainda pra ter essa música no meu mp3, mas enfim cedi, baixei e curti! Em seguida baixei "Back to black", e depois seu ultimo CD completo. O Last.fm não me deixa mentir, Amy em minha conta que nasceu a pouco tempo é o topo das paradas, rs.
E como não seria? Há como não se contagiar com músicas escritas com letras fortes, ritmos equilibrados acompanhados de sua voz  incomparável?
Eu não sou uma fã exemplar, nem mesmo tenho um cd original, além de seu primeiro trabalho nem ao menos estar completo na minha coleção de músicas. Mesmo assim confesso que escuto e adoro TODAS as músicas que consegui "downloadear", e acreditem! Isso é muito raro, afinal, quantas vezes você costuma gostar de todas as músicas de um album? "Me & Mr Jones", "He Can Only Hold Her", "Valerie", "You Know I'm No Good".. Cara! Como não ouvir "All my loving" sem se derreter lembrando da pessoa que ama?
É claro que quando curtimos um artista e damos valor ao seu talento acaba sendo inevitável não sentir certa decepção quando vemos esse mesmo artista provocando a própria decadência. É como ver seu herói sentado em um banquinho de bar, com um copo na mão esperando a morte pela cirrose ali mesmo enquanto se debruça no balcão.
Triste ver o caminho que ela tem seguido e ver seu talento sendo desvalorizado principalmente por ela mesmo, além de todo esse talento ser o ultimo assunto a ser mencionada na maioria das publicações da mídia, afinal escândalo é que o que da ibope, certo?


Janis Joplin, Judy Garland, Billie Holiday incluindo Elis Regina entre outros grandes nomes de mulheres que se destacaram com suas músicas, fizeram fama e conquistaram admiradores, cada uma em sua geração, mas acabaram com o mesmo fim por conseqüência de drogas. Infelizmente.
Espero sinceramente, do fundo do coração que o futuro de Amy seja diferente e que ela possa ainda nos dar muito bem estar e orgulho com suas músicas.


Muito improvável (mesmo) que algum dia eu tenha a oportunidade de sequer me aproximar dela, talvez se tivesse essa chance a entregaria para algum fã mais enlouquecido e que realmente quisesse este encontro, pois como eu disse anteriormente, sou SIM fã de seu trabalho, mas não sou uma fã perfeita e também não pretendo ultrapassar os limites do fanatismo, admito.
Mesmo com uma distancia tão considerável, torço para que a energia positiva das coisas boas que desejo pra ela a alcancem de algum jeito, e que ela possa se libertar de vez de tantos escandalos pra tocar de vez sua carreira de uma forma mais saudável.
E sei que falo por todos os que a admiram.



E pra  finalizar,
O clipe de uma das musicas que mais gosto:
Amy Winehouse - You Know I'm No Good

Um comentário:

  1. Olá, passando pra conhecer o seu cantinho e retribuir a visita.
    Não sou tão fã da Amy ...

    Bjous

    ResponderExcluir